Investimentos feitos com recursos do FGTS irão gerar 6,7 milhões de empregos

Orçamento 2018-2021, que cita a geração de 6,7 milhões de empregos diretos no país até o ano de 2021. Segundo o conselho, as novas vagas serão geradas através de investimentos realizados com os recursos do FGTS – Fundo de Garantia do Tempo de Serviço.

A proposta apresentada pelo conselho diz que somente no ano que vem, os investimentos realizados a partir dos recursos do FGTS serão responsáveis pela criação de 1.749.891 empregos em todo o Brasil. Já para os anos de 2019 e 2020, as estimativas apontam para um total de 1.659.900 novas vagas que serão criadas. No último ano previsto pelo conselho, em 2021, o total de novas vagas abertas através dos recursos do FGTS será de 1.648.350.

O conselho ainda informou que as novas vagas serão geradas através de investimentos que o governo deverá realizar para os setores de habitação, infraestrutura e saneamento em todo o país com recursos do FGTS. O valor depositado nestes três setores apenas para gerar empregos poderá chegar a R$ 330 milhões nos quatro anos previsto pelo conselho.

Em resposta aos novos dados divulgados, o presidente do Conselho Curador e também ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, afirmou: “Esses recursos serão alocados de forma a contribuir significativamente na retomada do crescimento do país, ajudando na recuperação da economia e na geração de empregos para os trabalhadores brasileiros”.

Os dados apresentados pelo conselho para o Orçamento 2018-2021, revelaram que os recursos do FGTS investidos em habitação popular irão gerar mais de 1,22 milhão de novas vagas de empregos a cada ano nesses próximos quatro anos previstos. O setor de habitação será o que receberá o maior investimento, R$ 64 bilhões em quatro anos, e consequentemente, será o que gerará mais vagas de emprego até 2021.

Para o próximo ano, o governo pretende investir um total de R$ 7 bilhões, o que será capaz de gerar um número em torno de 191 mil vagas de emprego em 2018. Já para o restante dos anos previstos para os investimentos, o total de vagas poderá ser de 164 mil a cada ano.

O setor de saneamento será o terceiro a receber investimentos através de recursos do FGTS e a gerar empregos a partir dos valores aplicados. Somente no ano que vem, o setor deverá abrir 151 mil vagas de emprego, e entre 2019 e 2021, o total de vagas poderá chegar a 132 mil por ano. Os investimentos para o setor em 2018 será de R$ 1,65 bilhão.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *